Somos especialistas em gestão de clínicas e consultórios

A tecnologia já está presente no cotidiano de todas as pessoas e isso não é diferente no mundo dos negócios. Qualquer empresa que queira avançar no mercado e se destacar dentro do meio não pode ignorar todas as ferramentas disponíveis na internet, especialmente as redes sociais (Facebook, Instagram, LinkedIn, Youtube, etc), plataformas que vêm crescendo e acumulando cada vez mais usuários.

Por essa razão, clínicas e consultórios precisam pensar na possibilidade de adicionar esses recursos na rotina de trabalho. É fundamental que os profissionais da saúde estejam sempre antenados e se preocupem com as novidades, uma boa gestão vem da capacidade de pensar a frente e se adaptarem às mudanças que vêm acontecendo.

A IMPORTÂNCIA DAS REDES SOCIAIS

As redes sociais tornaram-se quase uma necessidade para quem quer se comunicar e ganhar notoriedade, elas oferecem uma variedade enorme de recursos e soluções que podem ser aproveitadas por qualquer um, inclusive por clínicas que querem começar a fazer uso desses espaços.

Por isso é importante considerar a criação de uma página profissional, pensar muito bem no conteúdo que será publicado e claro, respeitar a ética e regras que regem a profissão médica (CFM – Conselho Federal de Medicina).

SOBRE O LINKEDIN

Uma das soluções mais usadas nos dias de hoje é o LinkedIn, uma plataforma totalmente dedicada ao mercado de  trabalho e negócios.

Fundada em 2003, já possui mais de 300  milhões de usuários cadastrados e cerca de  43% de pessoas ativas todos os dias.

Inicialmente o propósito principal da plataforma era o network , mas com o tempo o LinkedIn se transformou em uma ferramenta de contratação e autoridade.

Atualmente inúmeros usuários utilizam a rede social para compartilhar conhecimento, experiências e motivar outras pessoas.
Esse tipo de conteúdo vem ganhando cada vez mais adeptos e fazendo com que profissionais sejam referência em seus segmentos.

Todo esse fluxo traz muita força para a plataforma, ele faz com que mais e mais pessoas estabeleçam conexões e comecem a buscar o seu próprio espaço ali para tentar uma posição de destaque.

Não é uma missão fácil, os processos podem ser demorados, mas com paciência, ética e dedicação é possível conseguir conquistar um lugar de destaque dentro da profissão.

CRIANDO O SEU PERFIL

Antes de qualquer coisa é necessário criar o perfil dentro do LinkedIn, esse processo é bem simples, mas requer uma certa atenção, já que ele será o seu cartão de visitas para outras pessoas.

Cadastro

O processo de cadastro da rede social é bem intuitivo, mas é importante uqe o médico procure do máximo de ferramentas disponíveis.

Preencha todas as informações que considerar importantes, seja sincero e mantenha seu currículo sempre atualizado.

Foto e identidade visual

A escolha da foto e outras imagens que ficarão visíveis para os outros é uma parte fundamental da criação do perfil/página.

Escolha uma foto que mostre profissionalismo e seriedade. Aposte em uma imagem onde o rosto está bem visível, no caso dos médicos é interessante uma foto de um dia de trabalho para passar mais confiança.

Uma boa identidade visual faz toda a diferença, então se for fazer uso de logos ou imagens de capa, procure um profissional para deixar tudo em harmonia e atraente para o público.

Resumo

O resumo é um campo essencial para quem quer chamar a atenção dentro do LinkedIn, nele você precisa descrever seus principais objetivos profissionais e outros dados que forem relevantes.

Tenha em mente que a linguagem deve ser formal, mas simples, já que nem sempre quem terá acesso ao perfil será da área médica.

Faça um texto direto e evite ser prolixo, a intenção do resumo é te apresentar de uma maneira eficiente.

QUAL TIPO DE CONTEÚDO PUBLICAR?

Um dos maiores desafios encontrado nas redes sociais é a qualidade do conteúdo, já que dentro do LinkedIn a linguagem costuma ser um pouco diferente, no geral as publicações são mais sérias, diretas e feitas para um público mais específico, tudo depende de quem você quer/precisa atingir.

Foque em assuntos específicos de sua área para não ter erro, é importante mostrar autoridade no assunto, dessa maneira quando outras pessoas tiverem acesso aos seus posts elas irão perceber que você sabe do que está falando e irão procurar mais informações.

Utilize uma linguagem acessível e que converse com o público-alvo e profissionais da área, seja direto e cuide bem da escrita, para que o texto não tenha erros.

Lembre-se de produzir textos que possuam boas referências, jamais publique algo que não possua embasamento científico comprovado, informações erradas podem conduzir quem está lendo ao erro e prejudicar muito o autor.

Outro tipo de conteúdo que também pode ser interessante é a abordagem de experiências e relatos sobre a profissão, isso pode atrair pessoas que se relacionem com o que está escrito e as levem a interagir e compartilhar o post.

INTERAJA COM OUTRAS PESSOAS

Um dos maiores tesouros do LinkedIn é o network – que pode ser traduzido como ‘rede de trabalho’ – ele e é a prática de estabelecer conexões com profissionais que trabalham em áreas semelhantes e outros. Isso ajuda a criar um nome forte no meio, a conseguir oportunidades e firmar parcerias que podem ser o grande diferencial de cada um.

Para que isso aconteça é primordial interagir com as pessoas que chegam até você: seja simpático, comente as publicações de outros profissionais, responda comentários e mensagens, compartilhe outros conteúdos, procure pessoas que agreguem ainda mais a sua rede.

Lembre-se de que a plataforma também pode estreitar sua relação com os pacientes, assim todo o processo de encontrar um bom profissional e se consultar se torna um processo mais humanizado e menos estressante para quem está em busca de um bom médico.

Além disso, outra forma de ganhar mais autoridade e aumentar conexões é ir atrás de parcerias com outros médicos. Esse acordo pode envolver indicações feitas no dia a dia da clínica ou uma troca de conteúdos, ambas as práticas podem fazer com que os profissionais envolvidos cresçam e se estabeleçam ainda mais.

 

Assine nossa newsletter e receba dicas sobre gestão clínica, marketing, tecnologia e muito mais!

Escreva um comentário